News

Fotos: Ex-primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, casa-se com o parceiro Clarke Gayford

Ardern, 43, e Gayford, 47, ficaram noivos em maio de 2019.

Wellington:

A ex-primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, casou-se com seu parceiro de longa data, Clarke Gayford, em uma cerimônia privada no sábado, finalmente se casando após cancelar as cerimônias durante os rígidos controles do COVID-19 que ela impôs ao país.

Ardern, 43, e Gayford, 47, ficaram noivos em maio de 2019 e deveriam se casar no início de 2022, mas a cerimônia foi cancelada devido à sua abordagem “vá com força, vá cedo” em relação à pandemia, o que permitiu à Nova Zelândia manter mortes pelo vírus são baixas.

Ela se tornou um ícone global da política de esquerda e das mulheres na liderança como primeira-ministra de 2017 a janeiro do ano passado. Ardern, uma das duas únicas mulheres que tiveram um filho como líderes nacionais, levou a filha a uma reunião das Nações Unidas.

O casamento aconteceu em Hawke's Bay, na Craggy Range Winery, na costa leste da Ilha Norte da Nova Zelândia, cerca de 310 km (190 milhas) ao norte da capital Wellington, disse um porta-voz de Ardern por e-mail.

Fotos oficiais mostravam Ardern sorridente usando um vestido branco com decote frente única, enquanto Gayford usava um terno preto. Eles se casaram na frente de cerca de 50 a 75 convidados, informou o site de notícias Stuff.

Entre os convidados estava o sucessor de Ardern como primeiro-ministro, Chris Hipkins, o atual líder da oposição, disse o New Zealand Herald.

Hawke's Bay abriga uma série de vinícolas conhecidas internacionalmente e é uma importante área de horticultura.

Nos últimos seis meses, Ardern realizou três bolsas de estudo na Universidade de Harvard.

Ela é curadora do Prêmio Earthshot do Príncipe William e enviada especial da Christchurch Call – uma rede que busca “eliminar conteúdo terrorista e extremista violento online”. Foi criado após um massacre contra muçulmanos, pelo qual a resposta simpática de Ardern ganhou aplausos.

No seu discurso final no parlamento, Ardern disse a Gayford, um apresentador de televisão da Nova Zelândia: “Vamos finalmente casar”. A filha do casal, Neve, tem cinco anos.

(Reportagem de Lucy Craymer em Wellington e Sam McKeith em Sydney; edição de William Mallard)

(Exceto a manchete, esta história não foi editada pela equipe da NDTV e é publicada a partir de um feed distribuído.)



Source

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button